SAQUES DO FGTS

CEF

Por Morgana Ferriera

Os saques imediatos do FGTS, que tiveram início na última sexta feira (13 de setembro), representam aproximadamente 5 bilhões de reais injetados na economia e, também, o dia com maior número de transações no internet banking. O comparativo em relação ao mesmo dia no ano de 2018 mostra aumento de 97% já que 12 milhões de transações foram efetuadas em função dos depósitos realizados na conta de mais de 12 milhões de trabalhadores.

O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, informou via Rede Social (Twitter) que “A cada duas semanas, vamos liberar mais de R$ 5 bilhões. A Caixa está preparada para atender à população com tranquilidade nos mais de 55 mil pontos de atendimento em todas as regiões do Brasil”

Outra informação fornecida pela Caixa é que durante os dias 16 e 17 de setembro as agências funcionarão com horário estendido, conforme abaixo:

  • Agências que abrem às 11h, vão iniciar o atendimento às 9h.
  • Agências que abrem às 10h começarão os trabalhos às 8h
  • Agências que abrem às 9h iniciarão às 8h tendo mais uma hora no final do expediente.
  • Agências que abrem às 8h, terão duas horas a mais no final do expediente.

Os depósitos seguem o calendário mês aniversário, fornecido pela própria Caixa. Seguindo a ordem, a partir do dia 27 de setembro serão liberados os valores dos nascidos em maio, junho e julho. Após, no dia 09 de outubro, será a vez dos nascidos entre setembro e dezembro.

Lembrando que, inicialmente, os valores são depositados apenas para os trabalhadores com contas abertas antes de 24/07/2019. Os clientes Caixa que têm conta corrente/poupança podem fazer o pedido de crédito por meio dos canais de atendimento. Já os clientes que não desejam receber o valor do FGTS têm até o dia 30 de abril de 2020 para informar a recusa em algum dos canais abaixo:

  • Agências bancárias;
  • Aplicativo FGTS;
  • Página da Caixa na internet;
  • Internet Banking da Caixa;
  • Telefone 0800 724 2019.

 Para aqueles que não têm conta Caixa, corrente ou poupança, aberta até o dia 24 de julho de 2019, o calendário começa no dia 18 de outubro para os nascidos em janeiro e vai até 6 de março de 2020 para os nascidos em dezembro.

FONTE: Agencia Brasil, 15 de setembro de 2019.