Saque FGTS de contas Inativo

fgts-825x550

E foi divulgado o calendário de saque do dinheiro das contas inativas do FGTS – Fundo de Garantia do Tempo de Serviço – de contratos de trabalho extinto até 31/12/2015, conforme Medida Provisória 763/2016.

Conta inativa é a aquela em que o empregado deixou de receber os depósitos do empregador devido à rescisão de contrato de trabalho. Anterior a esta medida provisória, apenas trabalhadores desempregados com no mínimo três anos ininterruptos poderiam efetuar o saque. Outra alteração realizada foi à liberação da distribuição de parte dos lucros do fundo para os trabalhadores, lucro o qual era reaplicado ao próprio FGTS.  Segundo o ministro Dyogo Oliveira, a principal intenção é gerar maior rentabilidade à conta de FGTS do trabalhador, que atualmente rende 3% ao ano TR.

Nesta terça-feira (14/02), o governo divulgou o calendário de saque das contas inativas do FGTS: entre 10 de março até 31 de julho, conforme o mês de nascimento do trabalhador. Para realizar o saque, que deve ser retirado o valor total em uma única vez, os profissional pode se dirigir até as agências da Caixa Econômica Federal – CEF, postos de autoatendimento ou lotéricas da CEF.

Para quem efetuará o saque em postos de autoatendimento e lotéricas, será obrigatório apresentar o cartão cidadão com senha e o documento de identificação. Cabe ressaltar, que nestas opções o valor limite de saque é de até 3 mil reais, para valores superiores a esse, será necessário comparecer a uma agência da CEF.

Para os trabalhadores que precisarem sacar em agências da CEF e não tiverem conta, será preciso apresentar a Carteira de Trabalho e Previdência Social – CTPS – ou o termo de rescisão do contrato, juntamente com documento de identificação, o saque ocorre em dinheiro ou via transferência bancaria para outros bancos, sem custo de tarifa.

Estamos à disposição para maiores esclarecimentos.